Liderada por Claudio Diniz, a comissão do Luxo da Câmara de Comércio França-Brasil de São Paulo (CCFB-SP),  realizou um encontro para debater o que a excelência francesa tem a ensinar nos ramos da gastronomia, serviços e transporte.

Para German Carmona, diretor de Marketing e Comunicação Air France KLM Brasil, o grande desafio das empresas hoje é entender o perfil do público alvo. “Nos últimos quatro anos, a Air France tem trabalhado uma mudança efetiva global da marca, dos serviços oferecidos e do posicionamento”, explicou. “A nossa ideia foi se apropriar do conceito ‘Franca’ e de todos os elementos que a envolvem”, sinalizou Carmona.

O conceito “Air France is in the air” foi o propósito escolhido para reforçar a marca global. “Três elementos nortearam e norteiam todas as nossas ações. São eles: qualidade, ser atencioso e transformar o serviço em uma experiência”, disse. “Mudamos a gastronomia, a forma de atender aos clientes por meio de treinamentos, as poltronas, os espaços. Tudo foi repensado para oferecer ao cliente uma experiência única e desejada”, concluiu.

Já Anne-Laure Pitici, diretora de contas Brasil da Potel&Chabot, mostrou os desafios e as inovações de uma empresa que está no mercado há 200 anos. A grande referência francesa das recepções de altíssimo luxo chegou há pouco tempo no Brasil e pretende trazer  aos organizadores de eventos do Brasil uma opção de gastronomia de alto nível e um know-how tipicamente parisiense. “Após exercermos uma presença em países como Dubai, Moscou, Chinan e Suíça, o Brasil se tornou atrativo para nós”, disse Anne-Laure.